segunda-feira, 25 de junho de 2012

olha pro céu



Foi numa noite, igual a esta, que tu me deste o teu coração. O céu estava, assim em festa.
Havia balões no ar, xote e baião no salão, e no terreiro o seu olhar que incendiou meu coração.

2 comentários: